Auto-hemoterapia - Depoimentos

15/07/2010

ONDE ESTÃO OS RISCOS DA AUTO-HEMOTERAPIA?

Conheço a auto-hemoterapia há 2 anos. Pratico há 1 ano e 9 meses sem interrupções. E somente benefícios posso atestar. Adeus furunculose, controle nunca imaginável de psoriase, adeus dor da artrite psoriática, adeus resfriados, gripes, dores de garganta etc.

Onde estão os vídeos dos prejuízos, dos riscos imediatos? Qual o prazo dos riscos tardios? Onde estão os links das páginas que comprovam os tais riscos? Onde estão as fotos, imagens, os exames, os atestados de óbito, os estudos que comprovam os SUPOSTOS e fantasmagóricos riscos que foram alegados pelos órgãos proibidores?

Marcelo Fetha

Autohemoterapia: uma imunização com o nosso próprio sangue
http://autohemo.cloud.prohosting.com/
http://autohemoterapia.fortunecity.com/

09/05/07

Caros amigos do Jornal da Serra

Através de amigos, recebi um link para o excelente artigo
Auto-hemoterapia: perigosa para o bolso dos médicos e dos laboratórios
farmacêuticos - por Isabel Raposo - deste Jornal. Sou médico (clínica e pediatria) há mais de 20 anos, gaúcho de Porto Alegre, morando e trabalhando na Bahia, na cidade de Rio Real, interior norte divisa com Sergipe.
Apoio o artigo citado. Assino embaixo. Acredito que qualquer médico no mundo com um mínimo de conhecimento de imunologia, hematologia, clínica médica e bom senso deva admitir que a auto-hemoterapia funcione baseada em evidências clínicas (prática aceita pela medicina atual). Como todos os procedimentos, tem suas indicações mais precisas ou menos precisas e até as inadequadas. Todos concordam que funciona nos casos selecionados bem
indicados de necessidade de aumento da defesa imunológica do ser humano.
Concordam inclusive os que estão falando contra, exatamente porque sabem
que funciona ou poderá funcionar... A divergência ocorre quando se expressa a opinião pública da ideologia de cada um. Nesta hora os "interesses" individuais é que comandam as palavras a favor ou contra um fato real (a prática da auto-hemoterapia pela população em geral). Há "interesses" financeiros e pessoais que são contra. Senão a primeira atitude seria realizar trabalhos, experiências para comprovar... Mas quem é contra não cita trabalhos científicos para não estimular exatamente a comprovação técnica de uma prática que, na minha opinião como médico essencialmente clínico, já é baseada em "evidências clínicas práticas e científicas" muito claras (vejam os trabalhos científicos já citados sobre o assunto e a opinião dos pacientes que se beneficiaram). Com a certeza clínica científica de que não prejudica o paciente (não há efeitos colaterais relatados) e a garantia de resultados clínicos na prática diária para casos selecionados com indicação precisa, só nos resta um ato de humanidade: prescrever.
Sou prático e realista.
Se estiver errado, que me provem o contrário!
Por enquanto, faço o que acredito ser o certo!
Tal como o Dr. Moura, faço auto-hemoterapia e divulgo a boa notícia...
(Tive rinite crônica por vários anos que desapareceu em poucas semanas de
auto-hemoterapia)

Graças a Deus existe a internet! No que puder ajudar, estou à disposição
para diminuir ou sanar o sofrimento humano...

Autorizo a identificação e publicação de tudo o que escrevi.

Dr. Marcus Mac-Ginity - Rio beal - BA
CRM-BA 18016
mginity@gmail.com

09/05/07
Sou usuário recente.
Estamos eu, minha mulher, minha mãe e minha sogra usando essa técnica, cada qual com seu objetivo. Além da leseira inicial da 1ª aplicação, nada sentimos. Percebemos uma leve melhora na disposição física.
Farei exame de sangue para ver alguma alteração...
Tenho pesquisado diariamente na internet e não achei ainda nenhum depoimento com efeitos colaterais ou sequelas em função da correta aplicação da técnica. Acredito que, se feita dentro dos critérios de higiene e assepsia, bem como com a técnica correta de extração de sangue e de injeção (como se fosse outra qualquer) não deverão surgir complicações... Conheço algumas pessoas que já fazem a AH (auto-hemoterapia) há algum tempo sem relatos de problemas...
Tenho uma amiga que sofre de pólipos e mioma, há mais de 1 ano. Está tomando 10 ml de 5 em 5 dias, há quase 2 meses. Ela afirma que não sofreu as dores e sangramentos intensos na sua última menstruação, comuns durante a menstruação por causa de suas enfermidades. Já foram constatados por exames mais simples e está com indicação cirúrgica... No segundo dia de sua última menstruação, sentiu cólicas e foram feitos exames que não detectaram os pólipos e nem o mioma. Não toma medicação nenhuma para tratar esses males. Fez ressonância magnética e aguarda o resultado. Está confiante e continuará com o tratamamento.

Olivares Rocha da Silva Filho
Rio de Janeiro

09/05/07
Sou usuário desta terapia há 09 meses, iniciei como prevenção contra o câncer de próstata. Após as 03 primeiras aplicações, minha pele que era seca começou a ficar sedosa.

Minha gengiva era super escura, preta, devido ao uso intenso de antibiótico durante a infância; a partir do quarto mês de uso comecei a notar a mudança de cor. Hoje está rosa, incrível, imagine internamente em áreas não visíveis a olho nu. Outro detalhe: eu sempre era acometido por uma herpes, evitava viagens longas, stress, mas após o início da AH (auto-hemoterapia), só fui acometido uma única vez no início da prática, e bem levemente; de lá para cá, nada, nem sinal, e não fiz nada de diferente neste tempo todo a não ser a AH.

Confesso que no início não acreditava muito, mas como malefício não fazia, meu
próprio sangue não vai me matar, senão já estaria morto há muito tempo, experimentei e só falo a verdade, fatos que ocorreram comigo.

Esta terapia merece toda a atenção das classes ligadas à saúde e à qualidade de vida, mas confesso também que não vou aguardar os resultados de mais uma pesquisa. Comecei, colhí, agora não páro mais, ainda mais considerando o preço do tratamento, pago R$ 6,50 por aplicação. Não é pegadinha, é a mais pura verdade.
Espero ter contribuído.
Grande abraço a todos!
Anselmo Ueti

05/05/07
Vou fazer enquanto viver, a auto-hemoterapia, pois a minha artrose já não dói, meu cunhado e minha irmã estão se curando, a glicose dele baixou de 380 para 160 com duas aplicações, e ele ficou bom da labirintite. Minha irmã, esposa dele, se curou da tendinite.
Lamento essa perversidade de proibirem um tratamento simples e tão eficaz, pois as pessoas pobres não podem comprar medicamentos. Meu enfermeiro me disse que "isso desentope tudo quanto é artéria".
Fiquei horrorizada com os comentários no Fantástico, duvidando de um homem sério como o Dr. Luiz Moura.
Em 1948 eu era adolescente e fiz quatro aplicações para acne, e minha pele ficou ótima. Havia me esquecido da auto-hemoterapia, mas uma amiga me deu o DVD do Dr. Moura, e graças a ela não vou ter AVC como minhas duas irmãs mais velhas do que eu. Tenho 78 anos e quero viver saudável. Adorei seu artigo. Abraços,
Anna Nunes de Morais
anna.nunes.moraes@terra.com.br
Belo Horizonte MG.

04/05/07
Meu nome é Joaquim Marçal de Souza, 46 anos. Sou representante comercial, tenho o 2º grau completo; autodidata, leio muito. Era cuidador de um adolecente com Adrenleucodistrofia (do filme Óleo de Lorenzo) e ficava pesquisando sobre terapêuticas que pudessem ajudá-lo, já que o mesmo tinha feito até transplante de medula óssea. Mas a doença continuou seu curso até levá-lo ao óbito. Infelizmente, porque os novos médicos não têm esse tipo de informação, sobre essa terapêutica, quero crer nisso.... O médico não a utilizou, e assim não soubemos se o tratamento teria, ou não, ajudado.

Sempre que eu sabia de alguém que estava usando a terapêutica e tinha feito algum tipo de transplante, ia atrás. Encontrei um terapeuta que tinha feito transpalte de fígado; ele usava imunossupressores e fazia Auto-hemoterapia, e estava se sentindo bem...

Estou contando isso para esclarecer que quando estamos doentes temos que buscar informações.

Há dois anos e meio comecei a sentir muita dor nas costas, e após exames específicos foi diagnosticado "hernia discal (L4 e L5)" com protuberância em uma delas. Depois de várias alternativas de tratamento sem sucesso e em vias de uma cirurgia, optei por uma terapia muito utilizada no passado a "Autohemoterapia". A partir da 1ª aplicação já pude perceber um resultado muito positivo e em menos de 1 mês de tratamento estava completamente sem dor.
Qualquer informação podem entrar em contato marcaljoaquim@hotmail.com
Rio de Janeiro

28/04/07
Prezada Isabel Raposo:

Muito sábia e prudente sua matéria sobre Auto-Hemoterapia. Diferente dos demais profissionais de comunicação, seja qual meio for.
Sou uma pessoa cética nessa área, que nunca acreditei em nada fora da medicina "convencional".

Tenho uma lesão no joelho direito, fruto de uma dividida em jogo de futebol entre amigos.
Há mais de 10 anos que sempre vou a médicos, aqui na minha cidade, e em outros centros grandes no vizinho estado de São Paulo.
Quando ví o DVD do honrado e sério Dr. Luiz Moura, resolvi fazer a aplicação, por curiosidade. Na terceira de 5 ml eu já estava sem o calor típico que fica sobre o local da lesão.

Cortei, antes, todos os antibióticos, e não estou dizendo que isso deva ser feito, mas como para mim era só paliativo, resolvi parar para preservar meu estômago e fígado.
Qual não foi minha surpresa, que hoje, depois de 15 aplicações, meu joelho não dói mais. Voltei a caminhar forte, andar de bicicleta, correr nas caminhadas e não sinto mais nada. Tenho plena certeza de que foi a auto-hemoterapia, porque não fiz outra coisa diferente.

Junto com esse problema, acabaram as minhas crises mensais de hérpes simples, que doíam por mais de uma semana, mesmo tomando aciclovir e fazendo uso de pomada. E nenhum sintoma diferente, como algo negativo ou efeito colateral. Ao contrário. Meu sono melhorou, minha disposição para a vida é outra. Até porque não fico o dia todo com o joelho dolorido.

Portanto, minha prezada e competente Jornalista, na minha cidade, antes da matéria do Fantástico, depois do expediente comercial nas farmácias, era dificil você fazer, tamanha a quantidade de pessoas que lá estavam. Logicamente nas farmácias que tinham coragem de fazer. Agora, o que acontece é uma inversão. Já que as farmácias estão "proibidas", a gente traz o farmacêutico em casa.

Um grande abraço e parabéns. Você é uma profissional sem vinculos com esse sistema destruidor, ligado ao lucro e à arrogância. É corajosa, fez uma matéria arrojada e imparcial.

Quanto à Globo, Band, sem comentários!!!
Existe um sistema, maligno até. Quem ousa enfrentá-lo pode desaparecer. Mas sejamos ousados. O mundo precisa de pessoas assim.
M. F.- Uberaba - MG

24/04/07
Como sempre, brilhante e corajosa a sua matéria. Parece que estamos sendo remetidos ao tempo da Inquisição. Para quem não acredita, adiciono meu testemunho: eu mesma já utilizei este tratamento com meu médico, um profissional extremamente atualizado e competente. Ele me tirou de um enorme "buraco" com a hemoterapia. Foram apenas 5 semanas de aplicação para que eu sentisse uma brutal diferença; eu saía do consultório dele assim como o Popeye depois da ingestão de uma lata de espinafre e, a propósito, nenhum efeito colateral.
Estrela Gomes Freire -Mairiporã - SP

Veja outros depoimentos na página de Minás Kuyumjian Neto no endereço abaixo: http://www.lucianopires.com.br/idealbb/view.asp?topicID=5174

e também no Inforum: http://inforum.insite.com.br/39550/#msgs